24 de junho de 2017

Jovem de Serra Preta faz sacrifício para participar do show de cantora

Foto: divulgação/ Secom
Segundo o site Acorda Cidade, o jovem Alexsandro Fernandes saiu do município de Serra Preta para assistir ao show da cantora Joelma, ex-banda Calypso, no distrito de Maria Quitéria em Feira de Santana. Até aí tudo bem. Porém, o que chamou atenção do bloqueio foi o tamanho do esforço pessoal para ficar próximo do ídolo. O jovem solicitou dinheiro emprestado a amigos, não tinha conhecidos na localidade e chegou bem cedo ao local do evento para ficar próximo do palco.
Atrações nacionais têm conquistado espaço no São João do nordeste, mesmo descaracterizando o tradicional festejo. Movimento em defesa da festa tem ganhado força, mas muitos jovens parecem não se importar tanto com o tema e desejam mesmo é curtir a festa próximo de seus ídolos.
Foi o que aconteceu com Alexsandro Fernandes que queria um lugar estratégico próximo da cantora Joelma para mostrar um cartaz, informando que fez uma música para Joelma. “Sou fã dela. Quando anunciaram Joelma como atração aqui, não tive dúvida e me programei pra chegar cedo. Não tinha dinheiro e ‘dei meus pulos’ pra conseguir emprestado a juros”, disse ao site local.
Assista ao vídeo



Equipe de Salvador vai à Chapada resgatar onça que ficou dois dias em pé de manga

Onça foi solta no Parque Estadual de Morro do Chapéu.
(Foto: Divulgação/ Zoológico de Salvador)
Por Carol Aquino 

Uma onça parda, da espécie suçuarana, foi solta na manhã deste sábado (24), no Parque Estadual do Morro de Chapéu. O animal havia invadido um quintal de uma casa no povoado de Canal, município de Cafarnaum -  Chapada Diamantina, a 447 km de Salvador na última quinta-feira (22).

A onça, um macho da espécie suçuarana, e com aproximadamente 50 kg, foi encontrado por populares em cima de um pé de manga. Policiais da CIPPA / Lençóis - Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental - e veterinários do Zoológico de Salvador foram acionados e fizeram a proteção do animal e da comunidade.
Após esperar cerca de 24 horas para que a onça descesse naturalmente, veterinários do Zoológico de Salvador foram chamados para fazer a retirada do bicho. Os técnicos relataram que a onça estava assustada e com medo da movimentação ao redor. 
Os veterinários Vinícius Dantas e Victor Curvello chegaram nesta sexta (23) e doparam a onça com dardos tranquilizantes. Após o exame do animal, foi constatado que ela não estava doente nem apresentava ferimentos.
A onça passou a noite em uma jaula e foi levada para a soltura na mata de Morro de Chapéu na madrugada deste sábado (24). A operação envolveu oito homens, entre policiais da CIPA, funcionários do zoológico e do Parque Estadual de Morro do Chapéu. 
O veterinário Vinícius Dantas e coordenador geral do Zoológico de Salvador explica que na Bahia não é comum aparecerem onças em áreas habitadas, quanto mais em cima de árvores. “Trata-se de uma clara perda de habitat”, respondeu quando questionado sobre um possível motivo do aparecimento do animal silvestre.  

Fábio Assunção é detido após festa de São João em Arcoverde, em Pernambuco

O ator Fábio Assunção, de 45 anos, foi detido na madrugada deste sábado em Arcoverde, no Sertão de Pernambuco. Vídeos que circulam nas redes sociais mostram o artista, visivelmente alterado, em uma confusão com moradores e, depois, já recluso no carro da polícia. À noite, a cidade celebrava a festa São João do Arcoverde. O ator e testemunhas prestam depoimento na delegacia da cidade na manhã deste sábado.

A Polícia Militar informou que Fábio Assunção foi detido por danos ao patrimônio público, de um hospital e da própria viatura. Ele também teria sido detido por desacato.

A assessoria de imprensa da TV Globo informou que o assunto é pessoal e será tratado pelo assessor pessoal do ator, que ainda não se manifestou.
Ele estava na cidade com a namorada, a atriz Pally Siqueira, que é natural de Arcoverde. Em fevereiro, a atriz convidou Fábio para visitar seus amigos e parentes e realizar o documentário "Eu Sonho Para Você Ver", sobre a tradição do samba de coco. A produção foi exibida aos espectadores na noite de sexta-feira.
Antes do evento, o ator anunciou aos seguidores que uma versão de 22 minutos, feita exclusivamente para o São João de Arcoverde, seria exibida nos telões da festa.
Em 2008, o ator admitiu à Polícia Federal que era dependente químico e passou anos em tratamento, com acompanhamento médico e psicológico. Em abril do ano passado, Fábio Assunção foi detido em uma blitz no Rio quando policiais avaliaram que ele estava embriagado ao volante.
Fábio é protagonista da série "A fórmula", que estreia em 6 de julho na TV Globo.



21 de junho de 2017

O resgate das tradições juninas é um dos enfoques do São João em Cruz das Almas

Público do São João em Cruz das Almas no ano passado
(Foto: Divulgação/Prefeitura de Cruz das Almas)
Tradicional destino turístico no período de São João, Cruz das Almas, a cerca de 145 km de Salvador, deve receber cerca de 80 mil pessoas nos quatro dias de festas este ano, conforme a expectativa da prefeitura da cidade. A grade musical de festas gratuitas, que será de 22 a 25 de junho.

Cruz das Almas já ficou muito conhecida por sua tradicional guerra de espadas, prática onde fogos de artifício, semelhantes a pequenos foguetes, são utilizados como espadas. Hoje a “brincadeira” é proibida.

De acordo com o prefeito Orlando Peixoto, a aposta para este ano será no forró pé-de-serra. O tema do São João 2017 é "Arraiá da Cultura Popular: festa, forró e tradição". Entre os dias 23 e 25 de junho, segundo a gestão municipal, está prevista uma programação especial, além dos shows.

"Vamos sair da rota das grandes atrações. Teremos uma programação, na Praça Senador Temístocles, de 23 a 25 de junho com quadrilhas, feira popular, arraiá com trios nordestinos e outros", promete. Essa programação será das 10h às 14h, com acesso gratuito. Ainda segundo o prefeito, a partir das 15h, a programação será na Praça Multiuso, com apresentações de bandas, também de forró pé-de-serra.

Já os shows, acontecem à noite, a partir das 22h, no Parque Sumaúma, que volta a abrigar as apresentações. Há quatro anos, a festa popular era realizada na Praça Senador Temístocles, centro da cidade. Conforme a prefeitura, a população já pedia que a festa voltasse a ser realizada no Parque Sumaúma por ter mais espaço e ser em um ponto mais central da cidade e facilitar a locomoção do público.


Assista ao vídeo da TVE


Noruega adota tom duro durante visita de Temer nesta quinta

O ministro do meio ambiente, Vidar Helgesen
Foto: Nina Hansen/ Dagbladet
O encontro do presidente Michel Temer com autoridades da Noruega, onde ele desembarca nesta quinta-feira (22) para visita de dois dias, promete ser tenso. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, o tom da recepção foi sinalizada em carta enviada ao governo brasileiro pelo ministro do Clima e Meio Ambiente norueguês Vidar Helgesen, na qual ele aponta preocupação com propostas em andamento no Brasil, como a implantação de regras mais frouxas de licenciamento ambiental e a redução na proteção de unidades de conservação. "O Brasil demonstrou na última década que não é necessário haver uma dicotomia entre expandir a produtividade agrícola e a proteção das florestas. E ainda que seja compreensível a pressão pela execução mais eficiente de investimentos em infraestrutura, tampouco precisa ocorrer à custa de normas ambientais", afirma Helgesen. 

A Noruega é o maior financiador do Fundo Amazônia, que é administrado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Em entrevista à Folha, o ministro norueguês avalia que houve avanços no combate ao desmatamento na última década, mas que tem havido um “desenvolvimento preocupante nos últimos anos”.  “Temos um diálogo muito bom e franco com as autoridades brasileiras sobre o que pode ser feito para voltar ao rumo correto. A Noruega não está implantando políticas públicas no Brasil, esse papel cabe apenas ao governo brasileiro. A nossa abordagem é baseada apenas em resultados”, disse, sinalizando eventuais cortes de investimento caso a atual política ambiental se mantenha. “Se o desmatamento cair, haverá fundos noruegueses. Caso cresça, haverá muito menos ajuda, porque se trata de honrar resultados baseados em políticas públicas nacionais”. 

Segundo Helgesen, a Noruega investe no país por considerá-lo uma referência possível na área de meio ambiente. “O Brasil tem a maior floresta tropical do mundo. Além disso, dado o progresso da última década, estabeleceu um exemplo para outros países. É por isso é que temos um bom diálogo com o Brasil sobre a República Democrática do Congo e outros lugares, esperando ver a repetição de algumas boas práticas. O Fundo Amazônia é realmente um modelo fantástico para outros países”, citou. 

Questionado sobre a mensagem que seria apresentada a Temer, ele informou que será reconhecer as conquistas sólidas do Brasil na última década, ressaltar que vemos tendências preocupantes neste momento e que há iniciativas políticas que podem também ter um efeito adverso na floresta”. O ministro afirma que as autoridades querem ouvir de Temer “sua perspectiva sobre isso” e ressaltar que o financiamento é baseado em resultados.


TRE-BA lança edital de concurso público com 41 vagas

TRE-BA lança edital de concurso público com 41 vagas para Salvador e interior
 (Foto: Divulgação)
No Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (21), foi publicado o edital do Concurso Público 2017 do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), que será realizado em agosto.
As inscrições começam no dia 6 de julho e se encerram no dia 24 do mesmo mês, e podem ser feitas no site do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe/Cespe).  As inscrições custam R$ 85 para analista e R$ 70 para técnico.
Ao todo, são 41 vagas, sendo 16 para analista judiciário e 25 para técnico judiciário. Dessas, 39 são destinadas aos cartórios eleitorais dos municípios do interior. Para a capital, foram abertas duas vagas para cargos específicos. A aplicação das provas está prevista para 20 de agosto.
Cargos
As 16 vagas para os cargos de analista judiciário, com requisito de nível superior, se dividem em sete para a área Administrativa e nove na área Judiciária.
Para técnico judiciário, sendo exigido nível médio, são 25 vagas, sendo 23 para área administrativa. Para Salvador são apenas duas vagas para cargos específicos de técnico judiciário, sendo uma para especialidade em Eletricidade e Telecomunicações e uma para especialidade em Operação de Computadores.
O edital oferece também vagas para formação de cadastro reserva. Os vencimentos iniciais são de R$10.119,93, para nível superior e R$ 6.167,99, para nível médio.
O presidente do TRE baiano, desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano, comemorou a publicação do edital. “A realização do nosso concurso público foi uma das metas que estabeleci para 2017”, comentou.

Estudante baiana que tentava chegar no Alaska de bicicleta morre em Natal

Estudante e amigos pedalavam rumo ao Alaska
(Foto: Reprodução/Facebook)
Um acidente ainda sem explicações tirou a vida da estudante de psicologia da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Alexia Suelen Van Pettens, 24 anos. Internada desde a última quarta-feira (14), no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal (RN), a baiana teve morte cerebral constatada neste sábado (17). Alexia havia saído de Salvador numa expedição de bicicleta junto com alguns amigos rumo ao Alaska, nos Estados Unidos, e trafegava pela ciclovia da ponte Newton Navarro, também em Natal, quando foi supostamente atropelada.

O pai da jovem, Luciano Van Pettens, disse que o grupo de ciclistas já havia passado por Salvador e Alexia os encontrou já na Paraíba, de onde seguiram pedalando. “Ela até fez um diário, umas anotações sobre o quanto já tinham percorrido, mas eu ainda não consegui ler. O fato de ela ter sido atropelada ou não é uma especulação e eu realmente não quero ter conhecimento dos detalhes, não quero saber”, desabafou. Até o momento, a polícia não conseguiu identificar o autor do suposto atropelamento.
Antes do ocorrido, Alexia chegou a dar entrevista para uma televisão local, onde justificou a escolha da aventura, procurando autoconhecimento. “Por mais que tudo estivesse bem, e tudo na minha vida estivesse dando certo aos olhos de outras pessoas, dentro de mim, eu sentia tristeza, me sentia infeliz. Certo dia, eu resolvi que não era isso que eu queria para minha vida e comecei a buscar o que poderia me fazer feliz de verdade", explicou ela.



Vai viajar com a família? Tire as dúvidas sobre o uso da cadeirinha

A melhor opção é que a criança mais alta do grupo sente no banco da frente
quando não tiver mais vaga no banco de trás.
Viviane Favretto
Apesar de o uso da cadeira de segurança em automóveis ser obrigatório desde 2008, muitos condutores ainda colocam em risco a vida de crianças pequenas ao transportá-las sem o equipamento.
A legislação diz que os menores de 10 anos de idade devem ser transportados no banco traseiro, sendo que até os 7 anos e 6 meses elas precisam de sistemas de retenção adequados à idade.
As exigências, no entanto, não se aplicam aos veículos de transporte coletivo, de aluguel, aos táxis, aos veículos escolares e aos demais com peso bruto total superior a 3,5 toneladas.
Quem for pego sem o dispositivo terá de pagar uma multa de R$ 293,47 (infração gravíssima) e perderá 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além da apreensão do veículo para regularização.
Segundo a organização não-governamental Criança Segura, os acidentes de trânsito são a principal causa de mortes por acidentes entre crianças até 14 anos de idade. Muitas delas pela falta da cadeirinha ou pela forma incorreta como é fixada.
Já o uso dos dispositivos de segurança reduz em cerca de 70% as mortes ou lesões graves de crianças.

Informações: Gazeta do Povo
Regras para cada idade
Os modelos de cadeira de veículos variam de acordo com a idade de cada criança.

  • Bebês de até 1 ano de idade devem ser transportados no banco de trás do carro no bebê conforto, de costas.
  • Crianças entre 1 e 4 anos devem ficar na cadeirinha presa com o cinto e no banco traseiro.
  • Crianças com idade entre 4 e 7 anos e meio, deve ser utilizado um assento de elevação no banco de trás.
  • Crianças com idades entre 7 anos e meio e 10 anos devem utilizar apenas cinto de segurança no banco de trás. 

17 de junho de 2017

Marco Aurélio nega pedido de Aécio para ser julgado no plenário e não na turma

 (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)
Por Mariana Oliveira

O ministro Marco Aurélio Mello rejeitou enviar para o plenário do Supremo Tribunal Federal o julgamento do pedido de prisão do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG), formulado pela procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Nesta sexta (16), o advogado de Aécio, Alberto Toron, enviou ofício a Marco Aurélio reivindicando o julgamento do pedido pelo plenário e não pela Primeira Turma do tribunal.

O julgamento do pedido de prisão e o recurso de Aécio contra o afastamento do mandato estão na pauta da sessão da próxima terça-feira (20) da Primeira Turma. Nesta semana, por 3 votos a 2, a turma negou pedido de liberdade para Andrea Neves, irmã do senador.

No ofício, o advogado Alberto Toron argumentou que o pedido de prisão é questão "da mais alta relevância e gravidade" e que, por isso, deveria ser remetido ao plenário da Corte.

"O desfecho desfavorável a uma das defesas é insuficiente ao deslocamento [para o plenário]", escreveu Marco Aurélio em sua decisão.

Marco Aurélio Mello também negou outro pedido da defesa, de mais dez dias para apresentar a defesa do senador afastado na análise do pedido de prisão.

O advogado que defende o tucano sustentou que a PGR incluiu um fato novo quando reiterou o pedido de prisão, que já tinha sido negado uma vez. Na segunda vez, Janot anexou uma foto na qual Aécio aparece reunido com senadores aliados discutindo a pauta do Congresso quando já estava afastado do mandato parlamentar.

Na decisão, Marco Aurélio afirmou que o fato novo apontado pela defesa poderá ser contestado no processo, o que, segundo ele, atende ao princípio da ampla defesa.

Aécio Neves já foi denunciado pela PGR ao Supremo pelos crimes de corrupção passiva e obstrução de Justiça. Desde o mês passado, ele está afastado do mandato por decisão do ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo. Além do pedido de prisão, há previsão de a turma analisar também um pedido da defesa de Aécio para que ele retorne ao exercício do mandato.





SEMINÁRIO JURÍDICO: Debate sobre a Reforma da Previdência, Reforma Política e do Sistema Penal Brasileiro




Expositores:

IVAN KERTZMAN - Auditor da Receita (INSS), Professor e autor de livros em Direito Previdenciário 

LEANDRO NUNES - Procurador da República (MPF), ex-membro do Conselho Penitenciário/PE

HENRIQUE QUINTANILHA - Professor de Direito Constitucional, Mestre em Direito Público (UFBA)

Inscrever GRATUITAMENTE 

Além do coquetel de boas-vindas para todos os inscritos, o participante terá espaço aberto para tirar dúvidas e interlocução direta com os palestrantes.

O local é o da antiga loja da Adidas, no Piso L2 do Salvador Shopping. O ambiente é acústico, bastante confortável, climatizado, espaçoso e o seminário realizado de modo relativamente informal, como uma grande aula coletiva, com interação na fala dos três amigos professores, em estilo de "mesa redonda".

As instituições de ensino superior apoiadoras do evento emitirão certificado de participação para integralização curricular, que será emitido e entregue, claro, somente para quem confirmar a inscrição pessoalmente. 

Informações: Os organizadores via e-mail

16 de junho de 2017

Alcymar Monteiro esclarece polêmica e pede desculpas pela forma em que se expressou


O cantor e compositor Alcymar Monteiro postou um vídeo em sua página no Facebook esclarecendo a polêmica em que se envolveu com a cantora Marília Mendonça. Em um áudio que circulou pela internet, Alcymar afirmou que a música de Marília era de cachaceiro e galinha.
O artista pediu desculpas pela forma em que se expressou e disse que estava defendendo Elba Ramalho.
“Não sou machista. Fiz minha primeira música com Marinês e tenho certeza que a mulher brasileira é maravilhosa e digna de ter o poder que tem hoje. A mulher é um ser único e tem um valor imenso. Aproveitaram uma conversa privada entre amigos e deturparam aquilo que foi falado. Todos que me conhecem sabem que sou gonzagueano e jacksoniano e que tenho o dever de defender uma cultura que eu nasci e cresci vendo, que é a minha nordestinidade. Posso ter exagerado, mas foram palavras frutos do nosso sofrimento”, disse.
Alcymar afirmou ainda que há um movimento para descaracterizar o São João “e o nosso costume e a nossa cultura não podem ser dilapidados”. O cantor encerrou o vídeo admitindo o erro na forma, mas reiterou que estava correto no conteúdo que é o de defender as tradições nordestinas.

Assista

Matéria Relacionada


15 de junho de 2017

Liga da Escolas de Samba do Rio suspende desfiles do Carnaval 2018


A Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), do Rio de Janeiro, publicou na noite desta quarta-feira um nota onde anuncia a suspensão dos desfiles de Carnaval 2018. De acordo com a Liga, a medida é uma resposta ao corte de 50% nos recursos de subvenção anunciado pelo prefeito Marcelo Crivella no início desta semana.

De acordo com a prefietura, o corte tem como objetivo dedicar uma maior quantidade de recursos para a manutenção de creches e melhorias na alimentação e material escolar das crianças. As escolas de samba, porém, argumentam com "aumento substancial de arrecadação de impostos e receitas diretas e indiretas proporcionadas durante o período de preparação e realização dos desfiles carnavalescos", além dos "benefícios econômicos, financeiros, de geração de empregos e de renda" para a cidade e para o país.

Além disso, a nota afirma que "tal medida anunciada trará graves consequencias para a produção do espetáculo" e reforça que será "inviável a realização do mesmo, nos moldes em que é anualmente apresentado".

de acordo com a notícia publicada pelo portal Uol, em 2017 as agremiações receberam cerca de R$ 24 milhões para o desfile. O valor deve ser reduzido pela metade no ano que vem. O último ano em que as esolas receberam esse valor (R$ 1 milhão em subvenção para cada escola) foi em 2008.



Estado prorroga inscrições para concurso da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar

Imagem: Internet
As inscrições para o concurso público da Polícia Militar da Bahia e do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia foram prorrogadas. Agora, os interessados em concorrer a uma das 2.750 vagas ofertadas para os cargos de soldado das duas corporações têm até o dia 21 de junho para realizar a inscrição. O prazo estipulado anteriormente era até segunda-feira (19). O procedimento deve ser feito exclusivamente pela internet, no site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) - www.ibfc.org.br. A taxa é no valor de R$ 70.
Podem concorrer jovens de nacionalidade brasileira ou portuguesa, entre 18 e 30 anos, que tenham concluído ensino médio ou formação técnica profissionalizante de nível médio, sendo também observadas outras exigências do edital. De acordo com o edital, duas mil vagas serão destinadas ao Curso de Formação de Soldado da Polícia Militar e 750 vagas são voltadas ao Curso de Formação de Soldado do Corpo de Bombeiros Militar. As oportunidades serão distribuídas pela capital e 12 municípios do interior.
Uma vez habilitado para o curso de formação, seja da Polícia Militar ou do Corpo de Bombeiros Militar, o candidato irá ingressar no quadro das corporações como aluno soldado, recebendo bolsa de R$ 937 durante o curso de formação. Quando tiver concluído o curso e, posteriormente, lotado na região de sua escolha, o soldado da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar terão carga horária de 40 horas semanais. A remuneração, composta de soldo e gratificação, é de R$ 3.019 (40h) tanto para a Polícia Militar como para o Corpo de Bombeiros.
O edital de abertura de inscrições, elaborado conjuntamente pela Secretaria da Administração (Saeb) e pelos Comandos Gerais da Polícia Militar da Bahia e do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, foi publicado dia 10 de maio. Com validade de um ano, prorrogável por igual período, o concurso terá duas etapas e será realizado pela Saeb e pelo IBFC, que na Bahia é responsável pelos concursos públicos da Embasa e Agerba.

14 de junho de 2017

Defensoria Pública abre concurso para Rondônia com salário de até R$ 20,8 mil


Defensoria Pública do Estado de Rondônia (DPE-RO) abriu chamada para concurso público com salário de R$ 20.812, 20. São ofertadas cinco vagas para defensor público substituto e o processo seletivo será realizado pela Fundação Vunesp.


São cinco vagas para defensor substituto. Os candidatos devem ter no mínimo 18 anos, ter diploma de bacharel em Direito e devem ter exercido atividade jurídica pelo período mínimo de três anos, contados até a data da posse. As inscrições abrem no dia 21 de junho e encerram no dia 25 de julho pelo site www.vunesp.com.br com taxa de R$ 250.

A Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp) é uma fundação com personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, criada em 26 de outubro de 1979 pelo Conselho Universitário da Unesp. Conforme ato de criação, complementado por alterações estatutárias de 1996, as principais atividades da Vunesp são: planejar, organizar, executar e supervisionar o concurso Vestibular da Unesp; realizar vestibulares e concursos diversos para outras instituições públicas ou privadas.

O processo seletivo terá cinco fases definidas em: primeira fase objetiva com questões de múltipla escolha, segunda fase com questões discursivas, terceira fase de avaliação psicológica, quarta fase será realizada a prova oral e na quinta fase a prova de títulos. As fases tem caráter eliminatório e classificatório.

As provas serão aplicadas no dia 3 de setembro às 5h em Porto Velho. A segunda fase será dia 19 de novembro.

Defensoria Pública do Estado de Rondônia

Inscrições: de 21 de junho a 25 de julho
Vagas: 5
Salário: R$ 20.812,20
Taxa de inscrição: R$ 250
1ª Prova: 3 de setembro



Pelourinho foi cenário de ópera dedicada a Santo Antônio

Os cantores do NOB se apresentaram na sacada do Solar do Ferrão
 (Foto: Arisson Marinho)
Por Roberto Midlej
Os tradicionais tambores afros do Pelourinho silenciaram para dar lugar à música erudita. Nesta terça-feira (13), às 19h, foi apresentado, na sacada do Solar Ferrão, o espetáculo Oratório de Santo Antônio - Uma Ópera Junina, formado pelos cantores do Núcleo de Ópera da Bahia (NOP). 
A baiana de acarajé Noélia Mascarenhas, que trabalha ali há 24 anos, estava começando a montar seu tabuleiro quando ouviu o início dos cânticos: “Quando eu ouvi, fiquei curiosa e parei de montar as coisas. É tão bonito! Só tinha visto ópera uma vez, na Barra”.
A professora Neuza Miranda havia ido à Benção do Olodum e, na saída, decidiu parar e ver a ópera: “Eu sempre estou aqui, mas nunca tinha visto um espetáculo assim. Achei deslumbrante! Já tinha visto ópera qando estive no Rio de Janeiro. Mas este cenário é especial”.
A apresentação teve regência do maestro Aldo Brizzi e entre os integrantes estavam a mezzosoprano Vanda Otero, o tenor Carlos Eduardo Santos, o baixo Josehr Santos e a soprano Graça Reis. “A apresentação consiste no repertório tradicional do Santo Antônio em um novo olhar que passa pela música clássica”, disse Graça Reis.
A apresentação de ontem teve participação do Cortejo Afro, bloco fundado há 19 anos. Alberto Pitta, presidente e artista plástico da instituição, celebrou o convite feito ao Cortejo e a integração  entre o catolicismo e a cultura africana: “Este sincretismo é historicamente brasileiro e baiano. Esta ópera é sincrética ao incorporar elementos da cultura afrobrasileira”, diz Pitta, que vê no sincretismo religioso  uma tentativa da  Igreja Católica de se  redimir por ter fomentado a questão negreira no Brasil.
A produtora do Núcleo de Ópera, Renata Campos, ressalta a relação do NOB com o patrimônio cultural de Salvador: “O Núcleo não foi criado para concorrer com as grandes montagens do mundo, mas para fazer um link entre a ópera e a cultura baiana. Por isso, as apresentações são realizadas em espaços alternativos, como este que estamos vendo no Pelourinho”.
Nesta quarta (14), no Solar Ferrão, às 20h, haverá a abertura da exposição Viva São João, com criações de artistas plásticos que fazem referências às festa juninas. Os autores são da capital e de Cachoeira. “Salvador é famosa pelo Carnaval, que atrai multidões para desfrutarem da nossa festa colorida. No entanto, o São João tem sua apresentação de igual magnitude no interior da Bahia, onde reforça as tradições, os laços de amizade entre os povos”, comenta Marcia Schlapp, uma das curadoras da mostra, que vai até o dia 30, com entrada gratuita. Antes, às 19h, haverá a última apresentação do NOB.

Alcymar Monteiro defende Elba Ramalho e detona Marília Mendonça


As declarações de Marília Mendonça, que rebateu Elba Ramalho, acabaram irritando um dos mais tradicionais cantores de forró do Brasil, Alcymar Monteiro. Através de áudio, postado em um grupo fechado a cantores de forró no Whatsapp e depois vazado na internet, Monteiro respondeu e detonou a cantora. 

“Essa senhora não tem autoridade para falar nada. Como é que ela vem falar que aqui é lugar de sertanejo? Isso é um ‘breganejo’ horroroso para cachaceiro, para quem não tem identidade. Quem tá falando é Alcymar Monteiro”, diz o cantor no áudio. “Dona Marília Mendonça, você é lá de Goiás. Vá cantar lá no seu Goiás. Não vem encher o saco da gente aqui, não, entendeu? (…) Você vem lá de Goiás invadir nossa praia. Agora vê se a gente canta lá no teu Goiás. Vocês deixam!".

“Eu vou baixar o nível, viu?! Não venha aqui no nosso terreiro querer cantar de galo, não, viu? Aqui quem canta de galo é galo, galinha aqui não canta. Entendeu bem? Tá certo?”, continua Monteiro. “Sua música é horrorosa! Você não está com nada, entendeu? Você canta para cachaceiro. Eu canto para família, para as crianças, para os velhos, eu sou descendente de Luiz Gonzaga. Nos respeite, entendeu? Não fale mal de Elba Ramalho, que você não tem autoridade para isso, entendeu? Deixa a gente em paz, vão se danar.”
Júnior Monteiro, empresário e filho do cantor, confirmou que o áudio realmente foi gravado por seu pai, mas afirmou que ele se destinava somente aos músicos do grupo no Whatsapp e que o forrozeiro “não tem nada contra Marília”.

Informações: Bocão News

13 de junho de 2017

Chargista sofre censura e é demitido no jornal "A Tarde"

Simanca já trabalhava no jornal há 15 anos
Do Facebook do cartunista baiano Osmani Simanca:
Nota de esclarecimento sobre a minha demissão do Jornal “A Tarde”
Serei sempre muito grato pela oportunidade que tive, quando há mais de 15 anos comecei a trabalhar em “A Tarde”, periódico com uma tradição jornalística de mais de 100 anos. Foi sem dúvida uma honra publicar, aprender e aperfeiçoar-me com meus caros colegas e amigos. Durante minha estadia no diário ganhei importantes prêmios nacionais e internacionais e meus desenhos publicados originalmente em “A Tarde” foram, frequentemente, reproduzidos por outros jornais e revistas ao redor do mundo.
Depois da penúltima mudança na direção do jornal comecei a ser questionado sobre o conteúdo das minhas charges, sendo algumas delas censuradas. Estes desenhos proibidos foram reproduzidos com grande sucesso em outras mídias. Havia muito tempo que textos e matérias completas dos meus colegas eram cortados, mas não a charge. A charge era um pequeno oásis num deserto de tesouras.
É difícil ter liberdade sem independência econômica. A maior parte da imprensa sempre dependeu da propaganda dos governos. Isto não seria problema caso estes governantes não pressionassem jornais e jornalistas, e se jornalistas e jornais democráticos não se deixassem pressionar para escrever elogios ou críticas desmerecidas. Nosso rumo deve ser sempre definido pela ética e pela virtude, coisas raras nestes tempos sombrios, cheios de ódio e intolerância. Dizia Joseph Pulitzer: “Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma”.
Com a última mudança na direção do jornal, as pressões aumentaram ao ponto que tive que explicar o que era uma charge, e qual era o papel da sátira política em uma sociedade democrática e na imprensa livre. Fui indagado sobre quem me dava as pautas ao que respondi que as pautas eram os fatos, os quais pesquisava em profundidade, consultando várias fontes e colocando minha opinião na forma do jornalismo gráfico, caracterizado pela charge ou caricatura política. Fui advertido para não mexer em determinados temas e personagens, uma tarefa impossível no meio da putrefação política e ética em que se encontra o Brasil.
Quero agradecer às demonstrações de solidariedade de meus colegas, amigos e leitores por referencia a minha demissão sem justa causa e cuja verdadeira causa, de maneira resumida, expliquei neste texto.
Termino aqui, com este pensamento de Eurípedes:
“Todo o céu é da águia o caminho,
Toda a terra é do homem nobre a pátria”

Osmani Simanca

Tradicional Alvorada arrasta multidão na Festa de Santo Antônio em Bravo

Mais de 1500 pessoas acompanham a Alvorada de Santo Antonio
Foto: Alex Matos
Uma das festas religiosas mais badaladas da Bahia é o Trezenário de Santo Antônio no distrito de Bravo, 170 km de Salvador. A pregação começa na noite de 31 de maio e termina hoje (13) com a Santa Missa, que será celebrada pelo padre Gilmar de Assis ás 16h.

Este ano, o Trezenário de Santo Antônio contou com a presença do arcebispo da diocese de Feira de Santana, Dom Zanoni Demettino Castro, que chegou a pernoitar em Bravo. Segundo Alex Matos, que já foi presidente do evento, Dom Zanoni estava em compromissos em Roma, mas vem acompanhando os acontecimentos no Brasil. Matos escreveu em sua página de facebook, que o religioso “fez uma bela palestra na comunidade, combatendo o fascismo. O bispo repudiou vários acontecimentos no país tais como o preconceito, a tortura e as reformas do governo Temer no qual exclui os pobres”.

Serra Preta conta com um padre novo na paróquia e foi vítima de injúria racial e ameaças, através de áudio no Whatsapp. O triste episódio ganhou repercussão em todo o Brasil, com nota de solidariedade da Prefeitura Municipal de Serra Preta e da própria Diocese de Feira de Santana.

Arrastão da fé

Concentração dos fiéis começa na madrugada na frente da Igreja
Foto: Alex Matos
Um do ponto alto da festa religiosa é sem dúvida a alvorada. Os preparativos começam logo de madrugada com a concentração dos fieis e populares na frente da Igreja Santo Antônio. Em seguida, uma multidão percorre as principais ruas do distrito do Bravo, animada por uma charanga.

Este ano, a filarmônica Santa Cruz foi responsável por conduzir a multidão. A cada rua que passa, a Alvorada é ampliada por fiéis e também populares de outros credos que acompanham o evento. Alex Matos registrou também a participação da fanfarra municipal ainda em treinamento. 

Asista à Alvorada de 2016